Auxílio-Gás Bolsa Família: conheça os valores e como se cadastrar

Especialmente em momentos de crise, é comum surgirem microempreendedores, ainda mais vendendo comidas, salgados e doces. Contudo, o preço do gás de cozinha não ajuda tanto, ainda mais quando se trata de famílias carentes que têm nisso a única fonte de renda.

E, durante a quarentena a situação ficou ainda mais delicada, com o gás acabando em muitas distribuidoras e uma alta no preço, afinal, com uma alta demanda e pouca oferta a tendência é que os preços subam, o que torna a situação que já estava complicada, quase insustentável.

Mas, o Governo Federal tomou algumas atitudes para amenizar a situação, principalmente para famílias carentes, como o auxílio emergencial de R$ 600,00 e a liberação do saque do saldo FGTS para todos, até o final do ano (o calendário ainda não foi divulgado).

Auxílio-Gás Bolsa Família: conheça os valores e como se cadastrar
Fonte (Reprodução/internet)

E, sabe o que foi comentado ali em cima do preço do gás, então, o governo do Ceará começou a entregar 245.966 vales-gás.

Sobre o vale-gás

O preço do gás, algumas vezes é um pouco salgado, o que infelizmente não é de hoje, tanto que em 2001, ainda no governo de Fernando Henrique Cardoso (FHC), foi lançado um programa de distribuição de renda para ajudar na compra do gás.

ANÚNCIO

Com o governo Lula, assim como os outros programas de distribuição de renda, o valor do vale-gás foi incorporado ao programa Bolsa Família, de forma que, para se beneficiar dele, é preciso estar incluído no Cadastro Único.

Como se estar no Cadastro Único?

Para ser incluído ao Cadastro Único e ter direito aos programas, é preciso ir ao Centro de Referência em Assistência Social (CRAS), levando, pelo menos, um documento de cada membro da mesma família, pode ser até mesmo a certidão de nascimento.

Caso não tenha a documentação, o assistente irá ajudar a providenciar esse documento, mas o cadastro só poderá ser efetivado com toda a documentação. Além do documento pessoal, é preciso levar também um comprovante de residência.

Outra coisa muito importante, é que mantenha os dados atualizados a cada 2 anos no mínimo, caso contrário, a família será excluída dos benefícios governamentais.

Quem tem direito?

O Bolsa Família é destinado às famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza, de forma que estar no Cadastro Único não é garantia de que a família será beneficiária do programa.

Sendo assim, as famílias com uma renda mensal de até R$ 89,00 por pessoa participarão do programa e àquelas com renda mensal de até R$ 178,00 por pessoa terá direito desde que tenha gestante ou crianças/adolescentes até 17 anos.

O valor do benefício pode variar de R$ 41,00 à R$ 205,00, dependendo de quantos benefícios a família recebe, que podem ser no máximo 5.

Vale-gás Ceará

No estado do Ceará, como parte dos programas para amenizar as consequências econômicas causadas pela quarentena, o governo do estado irá entregar um vale-gás (que não está vinculado ao Bolsa Família), a entrega começou segunda feira (12 de maio de 2020).

Ao todo, serão entregues 245.966 vales em 3 lotes distintos, para evitar aglomerações. A previsão sobre um segundo lote é que ele seja entregue ainda neste mês de maio, já o terceiro, tem a previsão de que seja entregue em junho, ainda deste ano.

A entrega acontecerá por ordem alfabética e, o município do estado receberá uma quantidade de cupons. Tudo isso está sendo realizado em parceria com a empresa Nacional Gás Butano, que irá comercializar o gás ao preço de custo, isso é, sem ter nenhum lucro.

Como receber o benefício?

A distribuição do cupom do benefício é de responsabilidade de cada prefeitura, e para receber há três formas distintas, procurando um ponto de venda da Nacional Gás, ligar na central da empresa pelo número 0800 702-1200 ou ligar na revendedora mais próxima de sua casa.

Quem terá direito?

Aquelas famílias beneficiárias do Cartão Mais Infância Ceará, do Bolsa Família (contudo, apenas as com renda até R$ 89,34 por pessoa) e famílias que tenham jovens em situação de vulnerabilidade social que estejam no Programa Superação terão direito ao benefício.

Para definir o grupo a ser beneficiado pelo programa, participaram o Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) e à Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS). Se quiser conferir se o seu nome está entre o beneficiários, aqui está a lista completa.

ANÚNCIO