Pis 2020: Quem tem direito e como sacar – Entenda

ANÚNCIO

Que tal um dinheiro a mais para pagar dívidas, investir e/ou comprar aquela roupa que estava namorando há alguns meses? Sabia que pode ser que você tenha direito ao PIS esse ano? Se você está em um momento de crise, pode ser um dinheiro bem útil.

Muitas pessoas têm direito a fazer o saque do PIS e nem estão sabendo. Todos os anos ele é liberado no segundo o mês de aniversário de cada um, mas existem alguns critérios que os trabalhadores precisam preencher para ter direito ao saque do PIS.

ANÚNCIO

O ideal é que não aconteça, isso é, que se tenha um planejamento para não correr o risco de ver os boletos chegando sem ter o dinheiro para pagar, mas, imprevistos podem acontecer a qualquer momento, não né verdade? E, para ajudar nessas horas, o saldo do PIS pode ajudar.

Pis 2020: Quem tem direito e como sacar - Entenda
Fonte (Reprodução/internet)

Quer saber como consultar seu saldo e como sacar esse dinheiro?

PIS, o que é isso?

O Programa de Integração Social, vulgo, PIS, é instituído pela Lei Complementar n° 7/1970, que foi criada para integrar o empregado com o desenvolvimento da empresa, sendo responsabilidade da Caixa Econômica Federal o seu pagamento.

ANÚNCIO

Através desse programa, o colaborador tem acesso à diversos benefícios que são determinados por lei, sem falar que ele ainda vai colaborar para que as empresas do setor se desenvolvam, legal né? Através do programa, tanto as empresas como empregados ganham.

PASEP

Já reparou que tem outra sigla que, quase sempre, está acompanhada do PIS? Muito comum vermos algo como PIS/PASEP, isso porque é um programa paralelo ao do PIS, criado pela Lei Complementar n° 8/1970, PASEP significa “Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público.

A diferença dele para o PIS é que este foi criado como um fundo para funcionários públicos, e o seu pagamento já não é responsabilidade da Caixa, mas, do Banco do Brasil.

Já ouviu que o tempo muda tudo? Então…

Mas, em tempos de instabilidade e de mudanças quase que diárias, o PIS/PASEP não ficou de fora, no dia 7 de abril deste ano, isso é, de 2020, ambos os programas foram extintos, pela Medida Provisória 946/2020, mas calma que você não perdeu o dinheiro que estava lá.

A medida prevê que todo o saldo que o trabalhador possuísse no PIS fosse transferido para o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, vulgo FGTS, ou seja, não tem mais como “sacar o PIS”, porque ele não existe mais, contudo, você ainda tem direito à esse dinheiro.

Na realidade, essa mudança entrará em vigor no dia 31 de maio. Uma coisa que vai continuar é o Abono Salarial que é pago caso o colaborador satisfaça aos seguintes pré requisitos:

  • Ter cadastro no PIS há no mínimo cinco anos;
  • Não ter recebido mais que dois salários mínimos, na média, durante o ano-base;
  • Ter trabalhado para alguma pessoa jurídica por, pelo menos, 30 dias no ano-base considerado na apuração;
  • Ter os dados informados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

Como consultar o saldo e sacar?

Para consultar o saldo que está disponível, tanto no FGTS como no PIS, basta entrar no site da Caixa. No canto superior, na direita da tela, tem a opção “Consultar Pagamento”. Clicando nele, você poderá fazer o login (se não tiver um cadastro, é rapidinho, 5 minutinhos).

Para sacar o Abono Salarial, basta ir à uma agência Caixa com seu documento, se tiver um cartão cidadão, poderá sacar o dinheiro com ele e se tiver uma conta na Caixa, receberá o benefício por lá.

Mas, atenção, fique atento ao calendário específico para o pagamento, você pode consultá-lo no site da Caixa e, se tiver mais alguma dúvida, pode entrar em contato pelo número 0800 726-010, indo à uma agência Caixa próxima, ou dando uma olhada no site.

Endereço sede Caixa

SBS Quadra 4 Bloco A Lote 3/4, 21° andar

Asa Sul – Brasília – DF

CEP 70.092-900

ANÚNCIO