Mais pessoas acham que casas estão mais acessíveis agora

Casas estão cada vez mais caras com o decorrer dos anos. Será que as coisas estão finalmente mudando?

As taxas de hipoteca estão em baixa recorde e isso inspirou muitos potenciais compradores a procurar por propriedades para chamar de suas, no entanto, muitos encontraram um obstáculo: preços residenciais inflacionados.

Para alguns, a acessibilidade à habitação melhorou no ano passado. Na verdade, 27% dos compradores dizem que podem pagar 50% ou mais das casas à venda em seus mercados. Em contraste, há um ano, apenas 20% dos compradores disseram o mesmo.

Veja mais: Como solicitar crédito emergencial para pequenas e médias empresas

Ainda assim, 72% dos compradores dizem que só podem pagar uma minoria de casas em seus mercados locais. E isso significa que se você teve dificuldade para comprar no início deste ano, pode continuar a ter dificuldade até que o estoque de habitações melhore.

As baixas taxas de hipotecas podem compensar o aumento dos preços das casas?

Um dos motivos pelos quais mais compradores consideram as casas mais acessíveis atualmente pode ser simplesmente a redução das taxas de hipoteca. Mas dependendo do seu mercado imobiliário e até que ponto os preços dos imóveis estão inflacionados, uma taxa de hipoteca competitiva pode não anular os preços mais altos.

Vamos imaginar que uma casa inicial média em sua vizinhança custa R$320.000, enquanto há um ano era R$280.000. Suponhamos também que você possa fazer um pagamento inicial de 20% e se qualificar para uma hipoteca fixa de 30 anos a 2,9%, aproximadamente a taxa média no momento desta redação.

Isso significa que você pagará R$1.066 por mês pelo principal e juros da hipoteca.

Mais pessoas acham que casas estão mais acessíveis agora
Foto: (reprodução/internet)

Mas vamos executar este cenário com um preço residencial mais baixo e uma taxa de hipoteca mais alta. Se você comprar a mesma casa por $ 280.000, reduzir 20% e obter uma hipoteca de 30 anos a 3,6% – mais perto de onde estavam as taxas um ano atrás – você teria um pagamento mensal de R$1.018 de principal e juros. Isso é quase R$50 a menos por mês.

Portanto, embora as taxas de hipoteca possam ser baixas hoje, isso não necessariamente torna as casas em sua área mais acessível do que eram há um ano. Além disso, se você não se qualificar para as taxas superiores, perderá muitas das economias das quais os compradores estão ansiosos para se beneficiar.

Só porque a taxa média de hipotecas está em torno de 2,9% hoje, não significa que você se qualifique para isso. Se sua pontuação de crédito não for boa, espere ficar preso a uma taxa mais alta.

Você deve comprar uma casa ou esperar?

Há uma boa chance de que as taxas de hipotecas permaneçam baixas por algum tempo, então, se você espera comprar no curto prazo, pode valer a pena esperar até 2021. Há uma boa chance de que o estoque de habitações seja aberto até lá, especialmente se as coisas melhoram em relação à pandemia do coronavírus. 

E dessa forma, você pode obter o melhor dos dois mundos – uma taxa de hipoteca competitiva mais uma casa a um preço menos inflacionado.

Veja também: Poupanças se tornam mais populares durante a pandemia

Traduzido e adaptado por equipe Dinheirao.

Fonte: Fool